Um brinde e até breve, Belas Artes!

Quando você muda de cidade, fica um tempo razoável (às vezes dois meses, às vezes um ano) meio perdida, meio outsider, flutuante numa realidade paralela. É tipo aquele povo que muda pra Europa e fica fazendo as contas em reais, achando tudo absurdamente caro.

A gente começa a se habituar (até perceber que todas as cidades são essencialmente iguais) depois que descobrimos a padaria favorita, o mercado mais barato, o buteco de casa, a praça onde é possível caminhar, o salão pra cortar cabelo  o cinema mais acessível.

O primeiro cinema que me atraiu a São Paulo foi o Gemini. Tinha um jeito antigo encantador (embora nem fosse tão velho assim, com 35), passava filmes que tinham saído de cartaz dos outros lugares há meses, dava jujuba quando comprávamos pipoca e ficava perto do primeiro restaurante de comida mineira que conheci aqui. E o mais importante: tinha aquelas fileiras de dois lugares, como se fossem camarotes, que eram meu lugar favorito para ver o filme, a distância perfeita da tela. Ali vi “Piaf“, “O Lutador” e vários outros, que não vou lembrar agora.

Mas o Gemini fechou.

O segundo cinema que me atraiu a São Paulo, até pelo nome (idêntico ao de um cinema que gostava muito em Beagá), era o Belas Artes. Assim como no xará mineiro, lá só passava filmes que não eram blockbusters e muitos filmes brasileiros. Assisti a incontáveis. Cheguei a fazer a carteirinha, embora nunca tenha ido a um noitão (quando o pessoal vira a madrugada assistindo a clássicos temáticos). Comprei vários DVDs e CDs da banca que eles tinham lá dentro. Passei muitas vezes por aquela livraria. Tomei muito daquele café.

E agora o Belas Artes vai fechar.

Será que só vai me restar o Cinemark do shopping perto de casa, que só passa blockbusters (nada contra eles, mas é que gosto de TODO tipo de filme, sem restrições, desde que bons)?

Minha esperança é que o Belas Artes reabra, quem sabe ainda mais perto da minha casa, no meu bairro, a duas quadras, para que eu possa incorporá-lo à minha rotina e tragar a cidade de vez.

Saúde!

Anúncios

8 comentários sobre “Um brinde e até breve, Belas Artes!

  1. Mesmo que eles consigam um outro lugar – e eu torço para isso – não será a mesma coisa. Ali, na esquina da Consolação com a Paulista, o Belas Artes está fincado.

    É como tirar o Coliseu de Roma.

    =/

    Curtir

  2. O que acho engraçado é que na fachada existe um dístico onde se lê “Desde 1952”, mas nas linhas do tempo publicadas tanto pela Folha como pelo Estado nada é mencionado sobre esse ano. Fala-se na inauguração, cerca de uma década antes, com outro nome, e nas trocas de nome, nenhuma delas em 1952. Muito estranho.

    Curtir

  3. Mesmo nunca tendo ido ao Belas Artes paulistano, belorizontino que sou, me dá muito pesar saber da notícia de seu fechamento. O mesmo pesar que me deu o fechamento do Usina em BH (mesmo que oficialmente tentem falar que é apenas para reforma), a ameaça do Cineclube Savassi pela falta de patrocínio e a eterna corda bamba em que andam todos esses preciosos estabelecimentos que nos proporcionam um respiro de arte em meio a tantos blockbusters e a singeleza de um estabelecimento de rua entre tantos cineplex de shopping. Destaco aqui que, como a Cris, não tenho nada contra os blockbusters nem contra os cinemas de shopping, mas acredito que a variedade de opções é uma riqueza e deve ser valorizada. Uma das grandes falhas da nossa sociedade moderna, a meu ver, é ignorar o passado para escrever o futuro, ao invés de fazer bom uso dele. Dessa maneira, vão-se casas com história para dar lugar a arranha-céus caça-níqueis, por exemplo. O estacionamento que ocupa e degrada o lugar onde viveu o lendário Cine Pathé, em BH, é pra mim um alarme a ser ouvido por empresas patrocinadoras, por produtores e investidores. A sociedade agradece.

    Curtir

Deixe aqui seu comentário! ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s