Por que manter nossos cabelos cacheados

Foto de ontem, com o cabelo na altura dos ombros.

Foto tirada ontem, com o cabelo na altura dos ombros e um resquício de franja.

É a segunda vez que assisto a uma campanha publicitária da Unilever (neste caso específico, da marca Dove) e tenho vontade de chorar de emoção. A anterior era sobre a real beleza (veja AQUI). Agora foi sobre um assunto que me toca ainda mais: os cabelos cacheados.

Assista abaixo (em inglês):

O que mais me chamou a atenção neste vídeo foi a visão das crianças. Nunca tinha me passado pela cabeça, já que não tenho filhos, mas elas devem se sentir mais feias por terem cabelos enrolados, já que veem suas mães e ídolas — de cabelos naturalmente enrolados — fazendo de tudo para deixá-los mais lisos.

Eu tenho cachos e gosto deles. Nesses tempos de métodos japoneses infalíveis, em que 90% das mulheres estão com os cabelos alisados, acho que os cachos se destacam ainda mais na multidão. E já existem N produtos próprios para eles, então não é difícil manter o cabelo natural e, ao mesmo tempo, bem cuidado. (Belo Horizonte já até ganhou um centro especializado em cabelos crespos, veja AQUI).

Se você tem cabelos cacheados, e os mantém lisos há muito tempo, que tal fazer uma “experiência” neste começo de ano novo? Deixe seus cabelos voltarem ao normal, faça um corte que combine com seu rosto (veja sugestões AQUI e AQUI) e celebre seus cachos, que são cada dia mais raros — mas também já li que voltaram a ser “tendência” 😉 Acho que o importante é a gente se sentir bem com a gente mesma, então, se a experiência não te agradar, nada impede que você volte a alisá-los…

Na minha cabeça, só muda o corte: os cachos continuam por lá em 99% do tempo. E, nos últimos cinco anos, tenho mantido o cabelo mais curto (quando ele cresce, os cachos diminuem…). Como sou eu mesma que corto meus cabelos, o resultado quase sempre é imprevisível e inimitável, rs. Veja algumas das carinhas irrepetíveis neste período de tempo:

cachos

 

Leia também:

Anúncios

10 comentários sobre “Por que manter nossos cabelos cacheados

  1. Eu também fiquei muito emocionada com o vídeo, só que faz tanto tempo que matei meus cachos que não consigo trazê-los de volta e não consigo me sentir bem com cabelo cacheado. Isso começou na infância mesmo, porque o pessoal falava que era feio, daí você cresce e vira a maníaca da chapinha…

    Curtir

  2. Desde 2013 decidi que meus voltariam a ser 100% cacheados, e não é que voltaram! O mais legal é ver a surpresa das pessoas com a naturalidade dos meus cachos. E olha que aqui é tipo mola, puxa, estica, solta e volta! Bjo pro cê, Cris.

    Curtir

  3. Que linda vc, Cris, adorei a foto, esse tamanho do seu cabelo ta mt fofo! Eu tou achando o máximo essa onda das meninas cultivarem os cachos, tenho primas e amigas que estão com cabelos maravilhosos! Mas, parece que está rolando também uma coisa de “não faça chapinha”, tipo, uma “ditadurazinha” ao contrário! Uai, pq não fazer chapinha? E se a pessoa gosta do cabelo lisão também? Tem uma página no Facebook que é muito legal, mostra as meninas de cachos lindos, felizes, só que eu tenho birrinha do nome, que é “Faça Amor, Não Faça Chapinha”. Pra mim, tudo bem fazer amor e tudo bem fazer chapinha. Eu, por exemplo, amo fazer escova/chapinha, amo ir ao salão, ser cuidada, bater papo, dar risada! Tudo é válido! O importante é a pessoa se sentir bem! Viva a diversidade!

    Curtir

  4. Awnnn Cris você é linda e esse seu post também =D
    Quando eu era adolescente era uma paranóia contra o meu cabelo que sempre foi cacheado. Eu queria que ele fosse liso e achava que cabelo cacheado dava trabalho, não era bonito e 99% das vezes estava desgrenhado.
    Todas as meninas na escola com cabelo cacheado tentavam manter os fios “no lugar”, leia-se alisados, enquanto as meninas com cabelo liso eram as “sortudas” que de certa forma estavam em posição de vantagem. O tempo que eu gastei me preocupando ou alisando meu cabelo poderia ter sido gasto de forma muito mais produtiva como estudando, aprendendo outras coisas e me divertindo
    Que coisa mais louca é essa de achar que nossos cabelos vão nos fazer sentir melhores ou piores em relação aos outros.
    Só hoje eu vejo que não é o cabelo, mas a forma como somos condicionadas. Tenho um orgulho master quando vejo minhas amigas que sempre alisavam os cabelos deixando os cachos e se sentindo mais seguras também.
    Graças a Deus a paranóia passou (pelo menos essa) e se um dia eu tiver uma filha vou tentar o meu melhor para que ela se sinta à vontade com a aparência e os cabelos dela, sejam lisos ou cacheados.

    Curtir

Deixe aqui seu comentário! ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s