O pequeno pode ser grande…

Quando eu era criança, ganhei um livro que adorei e acho que ajudou muito na minha formação. “O Frio por ser Quente?“, de Jandira Masur.

É possível lê-lo inteirinho no vídeo acima.

A gente aprende, desde cedo, que tudo na vida é relativo. O grande pode ser pequeno, tudo depende do contexto.

Foi com isso em mente que me propus a fazer a pauta sobre Borá, a menor cidade (em população) do Brasil.

Peguei os dados do IBGE a respeito da cidade, como orçamento, perfil da população, frota de veículos etc. E comparei com o orçamento, perfil, frota etc de um condomínio com o mesmo número de habitantes, em São Paulo: 807 pessoas.

Se na cidade ter 807 pessoas é tratar das coisas em miniatura (só tem um restaurante divulgado para turistas, por exemplo), no edifício, administrar isso tudo – num espaço bem menor – representa dificuldades monstruosas.

A matéria saiu só na versão online do jornal e, como estou sem inspiração para o blog, fica a dica de leitura por aqui também 😉

CLIQUE AQUI para ver.

Anúncios