Já foi solidário hoje? E neste mês? E neste ano? MESMO?

Imagine que seu pai é este senhorzinho simpático que ilustra o post. Ele tem uma doença que, para ser curada, exige um transplante multivisceral (de vários órgãos). Esse transplante ainda não é feito no Brasil. Seu custo, nos Estados Unidos, é de cerca de US$ 1 milhão (você leu corretamente, é esse valor mesmo).

O que você faria?

Acho que muita gente desistiria, ainda mais se você for um jornalista, com o salário malpago da profissão. Mas minha colega Claudia Rolli (e sua família e amigos) decidiram iniciar uma verdadeira campanha para tentar salvar a vida de Noé, pai dela. Desfizeram-se de vários bens imóveis e agora estão apelando para a boa vontade das pessoas de bem, que a gente espera que sejam maioria.

A história é tão surreal que, se eu tivesse recebido por email e desconhecesse a fonte, acharia que é spam (como tantos que recebemos, muitos dos quais feitos por gente que só quer dar o golpe do baú). Mas conheço a Claudia, ela se senta a poucos metros de mim e hoje a vi com os olhos vermelhinhos 😦 Por isso, decidi fazer o que estivesse ao meu alcance para ajudar. Afinal, um dos meus mantras é acreditar em pequenas revoluções (já fiz algumas, depois virarão posts :)).

Se você também quiser ajudar, há algumas maneiras:

1- Divulgando este post, ou este tweet, ou este (como chama?) para seus amigos e conhecidos, mostrando que a história é real, não é trote, e merece atenção.

2- Fazendo uma doação de qualquer valor para:

Banco Bradesco (número 237)
AGÊNCIA: 296 – 8
CONTA POUPANÇA : 1009090 – 3
titular: Claudia Rolli
CPF: 152.659.458-73
Você nem precisa sair do computador para isso. Basta fazer uma transferência eletrônica pela internet, ou um DOC, caso não tenha conta no Bradesco.

3- Fazendo uma doação de sangue no hospital Oswaldo Cruz, em São Paulo, em nome de Noé Rolli. O estacionamento é grátis e o horário é diversificado.

4- Comprando uma rifa de R$ 250 da casa da praia da família Rolli, estimada em R$ 150 mil. Saiba mais aí: http://www.acaopelavidanoe.blogspot.com.

Como o primeiro item é o mais simples, comece por ele! Mas se todos que lêem meu blog doarem R$ 50, apesar de ainda estar muito longe da meta final, estaremos cada vez mais próximos dela, né? 😉

Enfim, é isso. Não comecei o post com aquele exercício de imaginação por acaso. A primeira coisa que pensei ao ler o email da Claudia foi: “Meu deus! E se fosse com meus pais?” =O

Anúncios

10 comentários sobre “Já foi solidário hoje? E neste mês? E neste ano? MESMO?

  1. Cris
    Obrigada, pela solidariedade, pela ajuda e pelo carinho nesse momento tão difícil. Acabei de tomar conhecimento que vc havia deixado aqui um recado para todos os seus leitores e seus amigos. Quero agradecer em nome de toda a minha família. Hoje, ao sair do jornal, vou mostrar ao meu pai, Noé Rolli, mais esse ato de carinho
    Bj gde
    Claudia e toda a nossa família

    Curtir

Deixe aqui seu comentário! ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s