Cena da Virada Cultural em Belo Horizonte

Artistas homenageiam Fernando Brant na praça da Estação, em 12.9.2015

Artistas homenageiam Fernando Brant na praça da Estação, em 12.9.2015. Foto: CMC

Todo mundo que vi, até agora, curtiu bastante a Virada Cultural de Beagá nesta edição de 2015. A programação foi muito variada, os palcos estavam todos cheios, não houve confusão.

Eu estive no show de abertura, na praça da Estação, em que vários artistas mineiros, da velha e da jovem guarda, se reuniram para prestar uma homenagem ao compositor Fernando Brant. Foi muito legal! Abaixo, a melhor música de todas, “Para Lennon e McCartney”, interpretada por Affonsinho, que jogou um solo de guitarra de Jimi Hendrix no meio e até levantou os fãs de Sepultura (os “camisas-pretas”), que estavam ouvindo meio desanimados até então, no fundo da praça.

Pena que eu estava perto demais da caixa de som e o áudio no meu celular não ficou muito limpo, mas acho que já dá para sentir o clima:

E você, esteve em algum show da Virada Cultural? O que achou? Qual foi seu favorito? Compartilhe suas impressões, fotos e vídeos conosco 😉

Veja também:

faceblogttblogPague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

Anúncios

Trilha Sonora – Pra ir entrando no clima da Virada Cultural!

Fotos: Divulgação

Fotos: Divulgação

Ontem eu selecionei minhas apresentações favoritas da Virada Cultural 2015 de Belo Horizonte, que acontece neste fim de semana, 12 e 13 de setembro. Criei um cardápio pessoal e compartilhei com todos aqui.

Vocês devem ter reparado que, embora a Virada também conte com várias peças de teatro, oficinas, eventos de gastronomia, exibição de filmes e outras coisas culturais, o que mais me interessou, como sempre, foi a música.

Meu gosto é eclético, então pode agradar a muitos leitores com gostos diferentes: tem blues, jazz, rock, samba, MPB e até uma viola caipira.

De todas as minhas seleções, a única que não se trata apenas de música é a apresentação dos BeHoppers, que são, antes de mais nada, dançarinos — mas guiados por um jazz alegre da melhor qualidade.

Assim, como hoje é sexta, véspera da Virada — e de um fim de semana sem plantão, eba! –, já está na hora de entrarmos no clima. Para isso, separei abaixo algumas faixas, de cada um dos grupos que recomendei ontem, para a gente ir ouvindo e chegarmos bem afiados na hora do show ao vivo 😉 Também é bom pra ajudar os indecisos a se decidirem…

Bom proveito!

Toninho Horta cantando “Manoel, O Audaz”, que compôs com Fernando Brant:

Audergang tocando “Blues for the blues”:

Trechinho do projeto Inéditas, de tributo a Billie Holiday:

Simoninha e Max de Castro, em “Nem Vem que Não Tem”e “Mamãe Passou Açúcar em Mim”:

Frederico Heliodoro toca “Vida Nova Outra Vez”:

Chico Lobo tocando “Caipira”, de sua autoria:

Velha Guarda do Samba de BH:

Banda Take Five tocando Summertime:

Cobra Coral cantando Gatas Extraordinárias:

BeHoppers dançando When You’re Smiling:

Graveola e o Lixo Polifônico toca “Insensatez”:

Otto e Baby do Brasil tocando “Todo Dia Era Dia de Índio” (na Virada Cultural de SP que aconteceu em junho deste ano):

Shello & LoBo Blues Band tocando “My Babe’s Gone” no Uaiktoberfest 2014:

CLIQUE AQUI para acessar a programação completa e montar seu próprio cardápio 😀 E CLIQUE AQUI para baixar o PDF com a programação completa, para acessar mais fácil no seu celular na hora do evento (ou imprimir, se achar melhor).

Leia também:

faceblogttblogPague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!