Receita de panquecas com sotaque italiano

Normalmente não dou a menor bola para o Instagram (se bem que diz o app que eu gasto 8 minutos por dia lá dentro, o que não é desprezível…), mas hoje achei que valia a pena compartilhar meu post de lá aqui também, já que foi neste blog que iniciei minha tradição de fazer panquecas natalinas!

O calendário já tinha virado oficialmente de 2018 para 2019, mas o ano parecia ainda empacado na minha cabeça. Tá explicado: eu não tinha ainda feito minhas tradicionais panquecas, ora bolas! Aproveitei um ingrediente especialíssimo, que não se encontra todos os dias aqui em casa, para fazer panquecas com sotaque italiano: o socol, vindo da serra capixaba direto para a serra do Curral! 😉

Vejam que maravilha que ficou:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Querem fazer panquecas também? A receita é muito fácil e já compartilhei duas vezes no blog: AQUI e AQUI. Bom proveito! 😉

Leia também:

***

Quer assinar o blog para recebê-lo por email a cada novo post? É gratuito! CLIQUE AQUI e veja como é simples!

faceblogttblog

Anúncios

Bolsonaro vai aplaudir derrubada de liminar que protege Petrobras

Texto escrito por José de Souza Castro:

Charge do Nani

Ao iniciar-se o ano Bolsonaro de 2019 nesta terça-feira, já transcorreram 12 dias desde que o ministro Marco Aurélio Mello deferiu liminar para suspender a eficácia do decreto de Michel Temer autorizando a venda de valiosos ativos da Petrobras sem a necessária licitação. Por que será que o presidente do Supremo, Dias Toffoli,  não cassou essa liminar, tal como a que possibilitaria a soltura de Lula?

Talvez porque, uma vez solto, seria mais difícil levar de volta à prisão o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com consequências políticas imprevisíveis. Já a derrubada da liminar que protege a Petrobras não é tão urgente, ela logo vai cair. A espera de mais uns dias terá servido para proporcionar um brilho extra ao governo Bolsonaro e ao seu ministro da Justiça.

Sem a proteção da liminar, a nova gestão da Petrobras poderá mostrar serviço rapidamente, cumprindo a promessa do decreto nº 9.355, assinado por Michel Temer (MDB-SP) em 25 de abril de 2018, de entregar sem licitação a petroleiras estrangeiras 36% da capacidade de refino de petróleo do Brasil.

A liminar foi uma resposta de Marco Aurélio Mello à Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) ajuizada em 14 de maio de 2018 pelo Partido dos Trabalhadores contra o decreto de Temer. Três advogados contratados pelo PT – Raquel Sousa, Carlos Cleto e Bruno de Barros – subscreveram a ADI.

Com essa liminar, enquanto não for derrubada, fica suspensa a venda de dezenas de concessões de petróleo por todo o país. A Petrobrás não pode também vender ativos e efetuar compras sem licitação em consórcios nos quais é operadora, freando o processo de desmonte e depredação do patrimônio da estatal criada por Getúlio Vargas.

Com o decreto, Michel Temer pretendia legalizar negócios lesivos à Petrobras e ao Brasil realizados a partir da gestão de Pedro Malan na presidência da estatal, com seu plano de desinvestimentos.

Negócios como a venda do campo de Carcará, na área do pré-sal, do Complexo Petroquímico de Suape e da Nova Transportadora do Sudeste. A NTS, empresa da Petrobras, é proprietária de todos os oleodutos que ligam ao continente os campos de petróleo das bacias de Santos e Campos. A NTS foi vendida por R$ 17 bilhões, o equivalente a cinco anos de seu lucro líquido. A previsão é de que até 2028 o lucro terá somado R$ 49 bilhões. Um lucro bancado pela Petrobras que, com a venda, passou a alugar os oleodutos que eram seus.

Um negócio da China! Quem lucra, porém, é o fundo financeiro Brookfield, canadense. Quem perde… Bem, você sabe.

Um dos autores da ADI, advogado Carlos Cleto, disse numa entrevista que o decreto de Temer abre espaço para a completa destruição dos princípios constitucionais da moralidade, da eficiência e da impessoalidade das licitações.

Princípios tão caros aos procuradores da Lava Jato e ao juiz Sérgio Moro, não é mesmo? Mas que nada de errado viram no decreto de Temer.

E que certamente vão aplaudir a derrubada da liminar de Mello.

Leia também:

***

Quer assinar o blog para recebê-lo por email a cada novo post? É gratuito! CLIQUE AQUI e veja como é simples!

faceblogttblog

Por um 2019 com as melhores conquistas pessoais em meio a um ano tão ruim para o país

Este slideshow necessita de JavaScript.

É impossível pensar em um 2019 que seja bom no campo geral, nacional, social, tendo este presidente eleito que tivemos. Em um mês após as eleições, eu já tinha contado 40 retrocessos e absurdos. Média de mais de um por dia. Depois parei de contar. A lista certamente será maior – e mais definitiva para os brasileiros – a partir deste Primeiro de Janeiro de 2019.

Seguiremos acompanhando o desmonte do patrimônio nacional, a começar pelo petróleo e pré-sal, e as perspectivas de reduções drásticas de direitos civis, principalmente para as minorias. Seguiremos escrevendo a respeito, até onde nos for possível, aqui neste blog. E participando de eventuais protestos, caso os ânimos ressaqueados dos brasileiros os realizem.

E desejamos que, no campo pessoal, 2019 seja um ano de mais conquistas. Afinal, é como me disse meu sábio pai, quando cheguei aos prantos aqui em casa, depois da vitória do milico pró-tortura no segundo turno: “Foi durante a ditadura militar que eu me casei e tive quatro filhos. A vida segue, apesar dos pesares” (algo assim: eu captei com minhas palavras, mas ele deve ter dito bem melhor).

Meu ano de 2018 foi especialmente bem estressante, com três empregos diferentes em um mesmo ano, e um grande calote tomado, sem perspectiva de recebimento algum dia. Torço para que meu 2019 seja mais sereno, com direito a férias remuneradas (não tenho isso desde 2016; não tive quando achei que teria) e tudo o mais.

Mesmo que o cenário fique nublado demais, desejo a todos que consigam tocar suas vidas da melhor forma possível nestes próximos 365 anos, com fôlego renovado após a virada do calendário.

Aí vai uma ajudinha para 15 metas muito comuns, resgatada de um post de quatro anos atrás:

  1. Quero cultivar uma horta dentro de casa. Leia AQUIAQUI e AQUI.
  2. Quero perder peso ou ter uma vida mais saudável. Leia AQUIAQUIAQUI e AQUI.
  3. Quero trabalhar menos, ser menos workaholic ou me estressar menos no emprego. Veja AQUIAQUIAQUI e AQUI.
  4. Quero conseguir um emprego ou mudar para um emprego melhor. Veja AQUI e AQUI (para jornalistas).
  5. Quero aprender coisas novas, como um outro idioma. Leia AQUI.
  6. Quero mudar de apartamento. Leia AQUIAQUIAQUIAQUI e AQUI.
  7. Quero mudar de cidade/Estado. Leia AQUIAQUI e AQUI.
  8. Quero viajar mais. Leia AQUI e todos os posts desta PASTINHA.
  9. Quero ler mais e ver mais filmes. Leia AQUIAQUI e AQUI.
  10. Quero parar de fumar. Veja os seguintes posts: AQUI AQUI.
  11. Quero parar de beber. Leia AQUIAQUIAQUI e AQUI.
  12. Quero fazer trabalho voluntário, doações ou exercer minha solidariedade. Leia AQUIAQUIAQUIAQUI e AQUI.
  13. Quero conhecer um grande amor. Leia AQUI e AQUI.
  14. Quero superar uma grande dor ou uma fossa. Leia AQUI e AQUI.
  15. Quero superar uma doença. Leia AQUI.

Leia também:

***

Quer assinar o blog para recebê-lo por email a cada novo post? É gratuito! CLIQUE AQUI e veja como é simples!

faceblogttblog

Melhores livros de 2018

Continuando uma tradição deste blog, segue uma lista dos 7 livros mais divertidos que li neste ano:

  1. “A Casa do Céu”, de Amanda Lindhout e Sara Corbertt, 445 págs. Leia mais sobre este livro AQUI.
  2. “A Cidade do Sol”, de Khaled Hosseini, 365 págs. Leia mais sobre este livro AQUI.
  3. “Tia Julia e o Escrevinhador”, de Mario Vargas Llosa, 463 págs. Leia mais sobre este livro AQUI.
  4. “Tudo o que nunca contei”, de Celeste Ng, 301 págs. Leia mais sobre este livro AQUI.
  5. “Rita Lee – Uma Autobiografia”, 294 págs. Leia mais sobre este livro AQUI.
  6. “O Livro dos Baltimore”, de Jöel Dicker, 413 págs.
  7. “Os escritos secretos”, de Sebastian Barry, 348 págs. Leia mais sobre este livro AQUI.

Leia também:

faceblogttblog

Filmes em 2018, melhores e piores

Tradição deste blog desde os primórdios, listo hoje os 40 filmes a que assisti neste ano, separando os melhores, os mais ou menos e os terríveis.

A grande maioria merece ser vista, considerando cada gênero. Entre parêntesis, em boa parte dos casos, você pode acessar o link para a resenha completa de cada filme, com notas mais específicas e o trailer:

Vale a pena ver:

  1. Bohemian Rhapsody (mais AQUI, nota 10)
  2. Infiltrado na Klan (mais AQUI, nota 10)
  3. Viva – A vida é uma festa (mais AQUI, nota 10)
  4. A Forma da Água (mais AQUI, nota 9)
  5. The Post (mais AQUI, nota 9)
  6. Eu, Tonya (mais AQUI, nota 9)
  7. A grande jogada (mais AQUI, nota 9)
  8. Todo o dinheiro do mundo (mais AQUI, nota 9)
  9. Três anúncios para um crime (mais AQUI, nota 9)
  10. Sr. Sherlock Holmes (mais AQUI, nota 9)
  11. Extraordinário (mais AQUI, nota 9)
  12. Corra! (mais AQUI, nota 8)
  13. Eu, Daniel Blake (mais AQUI, nota 8)
  14. Artista do desastre (mais AQUI, nota 8)
  15. O experimento do aprisionamento de Stanford (mais AQUI, nota 8)
  16. Roman J. Israel, Esq. (mais AQUI, nota 8)
  17. Doentes de amor (mais AQUI, nota 8)
  18. Benzinho
  19. Roda Gigante (mais AQUI, nota 8)
  20. Dunkirk (mais AQUI, nota 8)
  21. Mudbound (mais AQUI, nota 7)
  22. O destino de uma nação (mais AQUI, nota 7)
  23. Trama fantasma (mais AQUI, nota 7)
  24. Christopher Robin (mais AQUI, nota 7)
  25. Lady Bird (mais AQUI, nota 7)
  26. Os Incríveis
  27. Heidi

Veja se estiver com tempo sobrando:

  1. Nasce uma estrela (mais AQUI, nota 6)
  2. Me chame pelo seu nome (mais AQUI, nota 5)
  3. A melhor escolha
  4. A mulher mais odiada dos Estados Unidos
  5. Pegar e largar
  6. Será que?
  7. Pequena grande vida
  8. Perfeitos desconhecidos
  9. O bicho vai pegar 3
  10. Projeto Flórida (mais AQUI, nota 4)

Não veja!

  1. A Freira
  2. Cartão de Natal
  3. Peixonauta

 

Leia também:

***

Quer assinar o blog para recebê-lo por email a cada novo post? É gratuito! CLIQUE AQUI e veja como é simples!

faceblogttblog