Mocotó: fila grande, preço justo, comida farta e gostosa

Um dos garçons gente boa do Mocotó! (Foto: CMC)

Nunca tinha pensado em fazer crítica de gastronomia aqui no blog, porque sou uma pessoa de paladar infantil. Não como de tudo e não sou do tipo que sai por aí experimentando os restaurantes da moda, seguindo guias e catálogos — até porque não tenho dinheiro pra bancar os custos da gastronomia “fina” paulistana. Na verdade, sou do tipo que descobre meia dúzia bares e restaurantes favoritos (uma pizzaria, um pra almoçar no fim de semana, um pra levar as visitas de Beagá, um pra ver o jogo do Galo, um mais perto de casa pra tomar uma cervejinha…) e fica fiel a eles pro resto da vida.

Mas, enfim. O nariz-de-cera foi pra justificar por que só agora resolvi abrir essa categoria aqui no blog (pra quem não notou, existem “pastinhas” aí na coluna da direita). Tudo culpa do Mocotó. Saí de lá na quinta à noite doida pra dividir com todos como aquele lugar é demais. E aí lembrei que tenho um blog e pensei — por que não? Se hoje todo mundo é crítico de tudo, também vou dar pitacos sobre minhas parcas experiências gastronômicas, quando elas rolarem.

E eis que fui conhecer o famosíssimo Mocotó, de comida nordestina, lá na Vila Medeiros, nordeste de São Paulo. Paulistanos e visitantes desta Terra Cinza: arrumem um carro, arrumem um GPS (é meio “longe”, do ponto de vista da minha casa) e tirem um tempinho pra ir lá conhecer também.

Eu achava que seria uma espera longuíssima na fila e que tudo sairia caríssimo.

Acertei na primeira: ficamos uma hora na fila, com o vento do ciclone extratropical, temperatura de 12 graus e geada. Mas a fila tem mesinhas, o garçom deixou lá uma porção de torresminho e outra de bolinhos de massa de feijão com linguiça, as Originais estavam geladas e acabou passando rápido.

Na outra previsão eu errei feio. Vejam bem: além do torresmo e dos bolinhos, já computados, também comemos favada (fava amarela com linguiça, bacon e carne-seca), baião-de-dois (arroz, feijão, queijo coalho, linguiça, bacon e carne-seca), mandioca em chips e carne-de-sol servida com manteiga de garrafa, alho assado (booooom) e pimenta biquinho.

Não bastasse isso tudo e as cervejas consumidas, um amigo tomou uma dose de cachaça gaúcha e eles deram de brinde outra de pinga de banana.

Como éramos apenas quatro, saímos de lá “com o bucho cheio”, como se diz, a R$ 33,75 por pessoa. Isso, minha gente, em se tratando de São Paulo, que disputa com Londres e Paris o título de capital mais cara do mundo, é de graça.

Pra tornar minha impressão geral ainda melhor, os garçons são a maior simpatia e pararam por vários minutos pra conversar com a gente, explicar pacientemente o que era cada prato e o sommelier de cachaça (ou cachacista, ou cachaceiro, ou…) ficou outro tempão debatendo os rumos de sua profissão no Brasil. Leandro Batista é o nome do moço especializado em cana.

O lugar também é gostoso, cheio de pratos artesanais de vários lugares do Brasil (identifiquei uns cinco de Beagá!) e lá dentro não estava tão frio.

Se eu for adotar o conceito de estrelinhas e cifrõezinhos dos experts, digo o seguinte:

***** (ótimo)

$$ (de R$ 25 a R$ 40 por pessoa)

Mas deixo aí os comentários para os outros palpiteiros barrigudos de plantão 😉

Anúncios

4 comentários sobre “Mocotó: fila grande, preço justo, comida farta e gostosa

  1. Putz!!! Se soubesse, passava lá pra te dar um alô. Fica a 15 minutos de casa, a pé. Já tomei umas boas cachaças ali. Adoro a tapioca de carne seca. O preço é mesmo dos melhores. Costumo frequentar, do mesmo dono (se não me engano), mais perto de casa (5 min. a pé) o Barnabé. É só ir um pouco mais adiante, bairro a dentro, até o Parque Edu Chaves (onde faço minhas corridas). É um pouquinho menos ajeitado, mas a comida é ótima e os preços idem. Quando se animar e se quiser me dar o prazer de te conhecer pessoalmente, é só avisar. Tomaremos umas boas cervejas.

    Curtir

Deixe aqui seu comentário! ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s