Grafiteiros de Belo Horizonte: manifestem-se!

grafites

Há dois anos e meio, criei uma página aqui no blog para divulgar os grafites que enfeitam as ruas de Belo Horizonte. Hoje, a galeria de fotos tem mais de 200 imagens dos trabalhos de arte nos muros e paredes de todas as regiões da cidade.

Como é uma página atualizada com frequência, e muito acessada, ela aparece sempre no alto das buscas do Google quando alguém procura por grafites. E, provavelmente por isso, recebo com frequência – às vezes uma vez por semana! – propostas de trabalho para grafitar algum muro da cidade.

Só que tem um “pequeno” detalhe: eu não sou a artista, gente! Mal-mal sei desenhar uma casinha num papel, que dirá fazer essas belas paisagens e retratos incríveis que esses grafiteiros conseguem fazer. O único trabalho que tive foi de olhar, admirar, fotografar e postar aqui no blog, com os endereços e, quando sei, os nomes dos autores.

Até hoje, só uma grafiteira de BH deixou seus contatos para que eu pudesse repassar a quem oferecesse trabalhos.

ATUALIZAÇÃO: Tenho agora o contato do Rafael David (veja o telefone dele AQUI) e do Martokos (veja o telefone dele AQUI).

Por isso, resolvi fazer este post com um apelo: se você tem esse talento incrível e sabe fazer grafites, deixe também seus contatos para que eu possa te indicar sempre que alguém surgir com uma proposta de trabalho. Assim, posso ser essa ponte, ajudando tanto quem quer ver uma parede mais colorida quanto quem pode estar em busca de um trabalho.

Você pode me enviar seus contatos pelo email do blog. Se você não é grafiteiro, mas conhece um, não deixe de avisá-lo também! 😉

CLIQUE AQUI para ver as mais de 250 fotos de grafites sensacionais que estão em muros de todas as regiões de Belo Horizonte.

faceblogttblogPague com PagSeguro - é rápido, grátis e seguro!

Anúncios

Em dois dias, galeria de arte do blog mais que dobra de tamanho

Um dos trabalhos acrescentados à galeria de arte do blog ;)

Um dos trabalhos acrescentados à galeria de arte do blog 😉

Em apenas dois dias, nossa novíssima galeria de arte do blog já conta com mais de 100 registros! Pra ser mais exata, 116 — mais que o dobro de quando a galeria foi lançada, no domingo. Tudo graças à contribuição do jornalista Guilherme Ávila, que já vinha fotografando grafites há vários meses.

Por enquanto, tenho representantes das seguintes regiões da cidade: centro-sul (Funcionários, Savassi, Serra, Cruzeiro, Mangabeiras, Centro, Morro do Papagaio), leste (Santa Efigênia, Pompeia, Santa Tereza, Floresta, Horto, Sagrada Família, Santa Inês), oeste (Barroca, Prado, Estrela Dalva), norte (Jardim Guanabara), nordeste (Fernão Dias) e noroeste (Santo André). Falta só do Barreiro, Venda Nova e Pampulha, mas logo essas lacunas serão preenchidas!

Clique AQUI e confira os trabalhos! 😉

Galeria com 50 grafites em Belo Horizonte

Há exatamente 15 dias, escrevi um pouco aqui no blog sobre o grafite (ou graffiti, como preferem alguns puristas) produzido em Belo Horizonte. Para fazer o post, contei com a valiosa ajuda de pessoas mais entendidas no assunto, como os grafiteiros Davi de Melo Santos e Maria Raquel Bolinho, além das explicações de Beto Trajano. E prometi, naquele dia, que, logo que eu juntasse um número razoável de fotografias, criaria uma galeria de imagens agrupando vários dos trabalhos espalhados pelas ruas da cidade.

Pois bem, hoje, depois de uma volta pelos bairros Santa Efigênia e Serra, consegui chegar a 50 imagens. Por isso, resolvi dar o pontapé na galeria, que terá um espaço fixo no blog, na abinha vermelha aí em cima. Sempre que eu vir mais algum grafite bonito, vou fotografar (mesmo que só com o celular mesmo) e acrescentar na galeria. Sempre que receber contribuições dos leitores, farei o mesmo. E assim esta categoria será bastante dinâmica e cada vez mais completa e mais rica — como acontece com a arte de rua produzida na nossa terrinha.

Por enquanto, tenho representantes das seguintes regiões da cidade: centro-sul (Funcionários, Savassi, Serra, Mangabeiras, Morro do Papagaio), leste (Santa Efigênia, Pompeia, Santa Tereza), oeste (Barroca, Estrela Dalva) e noroeste (Santo André).

Quer visitar a galeria? Clique AQUI ou vá direto para a abinha “Grafite em BH”, acima. É possível ver em mosaicos, com as imagens pequetitas, ou clicar sobre uma delas e ver em forma de apresentação de slides, com as devidas legendas dando o nome do artista, localização da obra e outros detalhes. Bom divertimento 😉

grafite2