Os 100 melhores livros que li nos últimos 20 anos

Depois de muito tempo sem entrar direito no GoodReads, a rede social de leitores, sobre a qual já falei aqui em 2015, resolvi atualizar a listinha que mantenho lá, minha “estante”, acrescentando os melhores livros que eu li nos últimos dois anos, quando havia ficado um vácuo.

Acabei chegando, até agora, a 100 livros, lidos entre 1997 e hoje. Só registrei ali meus favoritos, com 4 ou 5 estrelinhas.

Recomendo todos eles, mas é importante ver o campo “data em que foi lido”, já que os livros aparecem na ordem em que foram acrescentados à estante e não quando foram realmente lidos. Afinal, o gosto para literatura que eu tinha aos 12 anos de idade é um bocado diferente do que tenho hoje, aos 33…

Mas ficam como sugestão para todos que passarem aqui no blog, em várias faixas etárias 😉 Tem pra todos os gostos e gêneros! Clique na imagem para acessar os detalhes de todos os livros:

Você já leu algum desses livros? Quais estão na sua lista de favoritos?

Leia também:

faceblogttblog

Anúncios

4 comentários sobre “Os 100 melhores livros que li nos últimos 20 anos

  1. Oi Kika,

    Gostei da sua iniciativa de falar de seus livros favoritos.
    Eu li muitos da sua lista e alguns deles batem com os meus favoritos: Graciliano Ramos, Drummond, Dostoiévski e Kafka.

    Como tenho filhos e sobrinhos, minha grande dúvida é: como fazer com que eles gostem de ler e, uma vez que tenham sido leitores na infância, não troquem (eliminem, substituam) a leitura pelos games e redes sociais? O que você pensa a respeito?

    Abraço

    Curtir

    • Acho que a única coisa que podemos fazer a respeito é dar o exemplo. Ver os pais lendo, ter uma casa cheia de livros, ter livrinhos desde pequenos, tudo isso contribui. Mas não há muito mais a se fazer a respeito: tem gente que ama ler, tem gente que não consegue se concentrar, que não consegue cultivar esse hábito. Às vezes com os mesmos pais leitores, nascem filhos bem diferentes em relação ao hábito da leitura (como lá em casa mesmo). Aí vai da personalidade de cada um, do temperamento, e paciência. Pelo menos é o que eu penso. Da minha parte, tenho tentado despertar o gosto pela leitura no Luiz desde pequeno. Ele já tem uma bibliotequinha com 59 livros, muitos “herdados” de primos, alguns até que eram meus quando eu era criança, conservados até hoje. E muitos que comprei também de presente. Além disso, aqui perto de casa tem uma livraria 100% infantil, só com livros para crianças. É um dos passeios favoritos do Luiz, ir até lá. Acho que vale levar desde pequeno à biblioteca, fazer carteirinha, ensinar a escolher livros etc. Tudo para despertar a curiosidade/interesse, que podem ser levados pela vida afora.

      Curtir

Deixe aqui seu comentário! ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s