‘O Gênio Preguiçoso’: um livro infantil para seu filho ter na prateleira

Já falei sobre a jornalista e amiga Ana Paula Pedrosa pelo menos 17 vezes aqui no blog, segundo o WordPress. Isso demonstra como boto fé nas coisas que ela diz ou produz.

Sua mais nova empreitada é o livro “O Gênio Preguiçoso”, que ela escreveu inspirada nas histórias que conta para as filhas Beatriz, de 10 anos, e Helena, de 3. Ilustrado pela irmã da Ana, a professora de arte Renata Pedrosa, tenho pra mim que este será um daqueles livros que o Luiz vai pedir para ler e reler e reler todas as noites, como faz com seus favoritos da pequena biblioteca que já formou.

É por isso que estarei lá no dia do lançamento para garantir meu exemplar, com certeza. E faço um convite para que os leitores do blog, especialmente aqueles que têm filhos ou sobrinhos pequenos, também passem por lá: vai ser neste sábado, dia 4 de agosto, de 9h às 12h, na Biblioteca Pública da praça da Liberdade. Com direito a contação de histórias!

Nos vemos lá, hein 😉

 

Leia também:

Os 13 melhores livros para crianças de 0 a 3 anos

***

Quer assinar o blog para recebê-lo por email a cada novo post? É gratuito! CLIQUE AQUI e veja como é simples!

faceblogttblog

 

Anúncios

Conheça a mais nova prática abusiva dos médicos na praça!

Astaffolani/ Wikimedia Common

 

Minha amiga Ana Paula Pedrosa fez uma excelente reportagem, publicada no jornal “O Tempo” de ontem, cuja leitura recomendo: “Médicos recusam pré-natal se grávida não pagar o parto“.

Já falei aqui no blog, quando eu ainda estava grávida, sobre a polêmica em torno da cobrança de taxa extra para que o médico que fez o pré-natal esteja disponível na hora do parto da paciente. Extra por ser um médico que já recebe pelo plano de saúde. É polêmico porque o Conselho Federal de Medicina já se posicionou a favor, enquanto a Agência Nacional de Saúde Suplementar já disse que a prática é ilegal.

(Eu, pessoalmente, paguei para ter minha médica presente no meu parto e pagaria de novo se engravidasse mais uma vez. Mas porque minha experiência particular me levou a entender esse honorário pela disponibilidade da minha médica, que passou toda a madrugada acordada ao meu lado e cancelou várias consultas na manhã seguinte ao nascimento do Luiz.)

A reportagem da Ana, no entanto, não é sobre essa taxa extra. É sobre algo muito mais antiético, condenado até pela representante do Conselho Regional de Medicina que ela ouviu: Continuar lendo

‘Uma dica infalível que aprendi para desmamar minha filha de 2 anos’, por Ana Paula Pedrosa

Foto: Pixabay

Minha amiga Ana Paula Pedrosa, mãe da Beatriz e da Heleninha, que já citei aqui no blog várias vezes, compartilha uma dica muito preciosa que ela ouviu da pediatra da caçula e colocou em prática, com sucesso.

Aí vai: Continuar lendo

15 textos sobre o caos político das últimas semanas

País dividido. Foto de Lincon Zarbietti para o jornal "O Tempo"

País dividido. Foto de Lincon Zarbietti para o jornal “O Tempo”

Os acontecimentos no país andam tão turbulentos que é difícil tecer qualquer comentário ou análise sobre tudo isso. Num dia, uma revista divulga vazamento de uma delação que ainda nem havia sido homologada, implicando, ainda que sem provas, Dilma e Lula em esquema de corrupção. No dia seguinte, o ex-presidente é levado à força para depor. Logo depois, milhares vão às ruas protestar contra o governo. Aí a delação é homologada e descobrimos que ela também implica, ainda sem provas, o presidente do maior partido de oposição, Aécio Neves, em transações suspeitas. Continuar lendo

Pelo fim da autocensura nos blogs e redes sociais

Saiu a segunda edição da revista “Pauta“, feita pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais. Na primeira edição, eu tinha sugerido a leitura do texto escrito pelo meu pai sobre ser chefe. Desta vez, reproduzo o texto que escrevi lá, porque falo sobre um tema caro a este blog: a censura. Mais especificamente sobre a autocensura de jornalistas em blogs e redes sociais, uma discussão que gosto de abordar desde os tempos do Novo em Folha. Quem quiser ler diretamente na revista, é só clicar AQUI e ir até a página 38.

Mas aí está:

twitter_censura1

Sem autocensura, blogueiros

Muito jornalista que trabalha em Redação fica se perguntando se pode emitir suas opiniões livremente em seu blog. Acho que deveríamos poder escrever sobre tudo e, como profissionais da comunicação, ser os primeiros a levantar a bandeira da liberdade de expressão e contra a autocensura.

Mas, se eu criticar o político X em meu blog, depois ele pode usar isso contra mim, em uma reportagem a seu respeito? Pode, se você não tiver sido profissional.

Continuar lendo