E aquela câmera!

Não deixe de assistir: BIRDMAN (A Inesperada Virtude da Ignorância)
Nota 9

keaton

A primeira coisa que vai te chamar a atenção neste filme não é a atuação extraordinária de Michael Keaton (meu eterno e querido Beetlejuice) ou o roteiro cheio de realismo fantástico. É a câmera.

Isso mesmo: a câmera do diretor mexicano Alejandro Iñárritu, que no último domingo levou o prêmio de melhor diretor pelo sindicato da categoria, nos Estados Unidos (que geralmente acerta quem depois levará o Oscar). A câmera do mexicano tem vida própria, e varre os cenários do filme como se os estivesse bisbilhotando. Essa impressão fica mais patente pelo formato de plano sequência intermitente: em duas horas de filme, vemos apenas uma longuississíssima cena, praticamente sem cortes visíveis – segundo o site IMDB, são apenas 16 cortes visíveis em todo o filme, o que ilustra a dificuldade e a grandeza do que foi feito por Iñárritu, mas também pela dupla de editores do filme, que inexplicavelmente ficou de fora do Oscar.

Não bastasse essa câmera impecável e essa edição sem costuras visíveis, a fotografia do filme também é de babar (levou o Oscar britânico, o Bafta, também no último domingo). O diretor de fotografia, Emmanuel Lubezki, já tinha levado o Oscar no ano passado, com “Gravidade”, e é franco favorito à mesma categoria neste ano. Ele consegue criar um cenário de história em quadrinhos que casa direitinho com a ideia do roteiro, sobre um ex-herói de HQ na telona, e é ao mesmo tempo sujo, escuro, macabro, contribuindo para o clima fantasmagórico e fantástico que permeia todo o filme.

Por todo esse conjunto, Birdman é um filme único, difícil de se ver. Meio amalucado, cheio de citações e paródias, com atores excepcionais (além de Keaton, temos Edward Norton, Emma Stone, Naomi WattsZach Galifianakis), um roteiro fantástico (nos dois sentidos da palavra), uma trilha sonora perturbadora (uma bateria de jazz irredutível), uma crítica feroz aos críticos de filmes (na pele da jornalista do “New York Times” que-parece-que-lambeu-sovaco-de-mendigo) e aquela câmera inquieta.

E aquela câmera!

Veja o trailer:

Leia também:

Anúncios