Pai reivindica “território sem dono” para que sua filha seja princesa

Vejam que história!

Há alguns meses, um norte-americano chamado Jeremiah estava brincando com sua filhinha de 7 anos, Emily, quando ela lhe perguntou:

— Papai, posso ser uma princesa de verdade?

E ele, diferentemente de 99,99999% dos pais, respondeu:

— Claro, filha! Por que não?

Ou melhor, talvez 99,99999% dos pais realmente respondam isso, mas depois expliquem à criança que, bem, o mundo não é um conto de fadas, é difícil ser uma princesa de verdade, talvez nem seja um cargo dos mais legais, e que ela poderia continuar sendo sua princesa, ou a princesa de todas as brincadeiras dali por diante.

Mas Jeremiah foi além. Ele buscou na internet para saber se existia algum território ainda sem dono no mundo. E encontrou um dos poucos restantes: um pedaço de deserto improdutivo, pequeno e montanhoso, entre o Egito e o Sudão, chamado Bir Tawill. A região, de pouco mais de 2.000 km², não é reivindicada por nenhum dos dois países que lhe fazem fronteira. CLIQUE AQUI para ver onde Judas perdeu uma de suas botas.

Depois de descobrir isso, Jeremiah foi além de novo: viajou até aquele fim do mundo, com a permissão do governo egípcio, e cravou uma bandeira no local — bandeira desenhada por sua “princesa” junto com seus outros dois filhos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

E agora ele quer seriamente reclamar aquele pedaço de terra como seu reino, se autoproclamar rei daquele território sem moradores e, consequentemente, transformar Emily em uma princesa. Para isso, precisa convencer tanto o Egito como o Sudão e, a bem da verdade, a ONU e o resto do mundo. Mas ele promete que fará isso, porque “esta nação é reivindicada por amor”. E Emily já ganhou até uma coroa de presente.

jeremiah4

Foto de DAVID CRIGGER/BHC – reprodução do site do BHC

Enquanto eu lia esta incrível história, no jornal “Bristol Herald Courier“, eu me peguei pensando dois pensamentos totalmente inversos e simultâneos:

1) Que fofo! Fazendo de tudo para agradar à filhinha! Levando a sério promessas feitas a uma criança! Alimentando um sonho infantil! Mostrando que nada é impossível! E que legal que exista um pedaço de terra ainda abandonado neste mundão de deus! Que máximo que deve ser começar um mundo todo do zero, com as próprias leis e ordens, na tentativa de que, desta vez, algo dê certo!

2) Que lunático! Quer ser rei de um pedaço de deserto que ninguém quer só para atender aos caprichos da filha! Ela nunca vai aprender que nem tudo é possível nesta vida! Vai se tornar uma mulher mimada, que não aceita ouvir um não! Ou será que ele é que é um megalomaníaco, que tem o sonho secreto de governar o mundo, ao estilo Pinky e Cérebro? Afinal, ele chegou a concorrer a uma vaga no Congresso dos Estados Unidos em 2012 — e, sem surpresa, perdeu. Nesse caso, seria até uma maldade com a pobre Emily!

Como não consegui me decidir entre as duas linhas de raciocínio opostas, preferi a terceira via, do humor, e me diverti bastante com o vídeo feito pelo próprio jornal de Virgínia, EUA.

CLIQUE AQUI para assistir ao vídeo (infelizmente, sem legenda) e ler a reportagem original, publicada em 10 de julho e assinada por Allie Robinson Gibson.

Depois me diga: com qual das duas linhas de raciocínio você concorda mais? 😀

 

Leia outros posts sobre sonhos realizados (ou não):

Anúncios

2 comentários sobre “Pai reivindica “território sem dono” para que sua filha seja princesa

Deixe aqui seu comentário! ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s