20 ferramentas para te ajudar no trabalho

Você pode ser jornalista, dentista, engenheiro ou advogada. Não importa muito a profissão: hoje em dia quase todo mundo usa o computador em algum momento do expediente. (Ok, não dá para generalizar, porque alguns trabalhos são mais manuais, mas, ainda assim, é muita gente). E, seja qual for a tarefa que você executa, alguns aplicativos e sites podem te ajudar a organizar melhor suas atividades.

Selecionei alguns bem básicos para você ver se eles podem se encaixar em suas necessidades:

GOOGLE DOCS e AGENDA

O Docs é o pacotão “Office” do Google. Ou seja, é o Excel e o Word com a vantagem de estarem na nuvem, podendo ser acessados de qualquer computador com internet. Vale muito a pena usar o Docs para guardar sua agenda de contatos profissionais, por exemplo, ou ao menos fazer o backup dela. Assim, se você estiver na rua e algum cliente ou alguma fonte (no caso dos repórteres) te ligar, você pode acessar a internet pelo celular e fazer o registro daquela ligação, ou buscar um contato, de maneira mais ágil. No meu Docs, por exemplo, eu guardo minha escala de plantões (para eu me organizar de qualquer lugar), minha agenda de telefones de fontes, a agenda dos telefones dos colegas de trabalho, dentre outros documentos. Se você for usar mais especificamente como agenda/calendário (por exemplo, se quiser uma ferramenta para anotar o horário marcado para seus clientes ou pacientes), o Google Agenda é mais útil que o Docs.

fontesFEEDLY

Já fiz um post só sobre os leitores de feeds, de tanto que gosto deles. Veja AQUI. Depois que fiz o post, acabei adotando o Feedly como meu leitor oficial, por ser o mai rápido e estar aceitando algumas buscas internas mesmo para quem não tem a versão paga. O legal desses leitores é que você pode selecionar aqueles sites de notícias, blogs ou páginas que divulgam assuntos ligados à sua profissão e ler tudo no mesmo lugar. Por exemplo, se você for médico, pode colocar no seu feedly as páginas do CRM, do CFM, de revistas científicas, de laboratórios, de sites de profissionais da sua área (enfim, do que quer que você costume usar como fonte de informação), além de criar uma pastinha para colocar seus sites de jornais favoritos e outra para colocar os blogs que mais gosta de ler, extraofício (tipo o “blog da kikacastro” ;)). Aí você pode aproveitar todos os seus momentos de folga, ou tirar uma hora por dia para ler todas as informações do Feedly, inclusive do smartphone.

feedly

TRELLO

O Trello é sensacional! É um site que permite que você se organize, mesmo se você trabalhar em uma grande equipe. É prática, fácil de usar e evita o retrabalho, que é uma das piores coisas do mundo. Funciona assim: você adiciona todas as pessoas da sua equipe. E cria colunas, do tipo: “Para fazer”; “Em processo”; “Pronto”; “Pendências” etc. Daí você cria um card com o trabalho que precisa ser feito e o coloca na coluna “Para fazer”, por exemplo. Uma das pessoas da equipe coloca a carinha dela lá, indicando que pegou essa tarefa para ela. E, depois de pronta, arrasta para “Pronto”. Ela pode inserir comentários naquele card, colocar outras pessoas nele, marcar alguém, colocar etiquetas de cor para indicar se uma tarefa é mais ou menos urgente etc. E só as pessoas cadastradas naquele “board” têm acesso ao que está sendo executado ali. Enfim, acho que pode ser muito útil pra todo tipo de profissional. Inclusive para quem trabalha sozinho. Para vocês terem uma ideia, criei um trello só para colocar as ideias de posts para este blog, para não esquecer. Se tenho uma ideia legal, mesmo no meio da rua, acesso o trello no celular e crio um card para ela. Se tenho novas ideias relacionadas àquela primeira, faço comentários no card. E arquivo ele toda vez que o post vai ao ar. Vejam a aparência do Trello do meu blog (este card marcado de vermelho foi uma sugestão da leitora Dri, que ainda não consegui fazer):

trello

 

DICIONÁRIOS ONLINE

Se seu trabalho envolve lidar com palavras (por exemplo, se você também for jornalista, ou se for advogado), há alguns sites que são muito úteis. O Dicionário de Sinônimos Online oferece sinônimos para as palavras, para você não ficar repetindo o mesmo termo o tempo todo, empobrecendo o texto. Ou quando foge a palavra na hora da pressa…. O Volp é o dicionário oficial da Academia Brasileira de Letras, que é a melhor forma de consultar todos os verbetes da língua portuguesa de acordo com a nova ortografia. Por exemplo, se você está em dúvida se infravermelho agora se escreve com ou sem hífen, pode colocar a palavra lá e ele te informa qual é a forma oficial da nova ortografia. Também é possível buscar parte da palavra. E agora existe o aplicativo do Volp, para smartphones e tablets. Se você quiser um dicionário da língua portuguesa, com os significados mesmo, meu favorito é o Dicio. Além de trazer o significado da palavra, ele traz alguns sinônimos, as conjugações, palavras que rimam e até anagramas!

dicio

Ainda estou testando, mas por enquanto gostei do Wikcionário como opção de dicionário para smartphones. Ele funciona até offline, o que é uma grande vantagem. E tem muitos vocábulos.

O melhor dicionário de tradução, na minha opinião, é o WordReference. Ele faz a tradução de váááários idiomas. O legal é que traz várias alternativas de tradução, incluindo as gírias e mais coloquiais. E, em alguns casos, traz até um áudio com alguém falando aquela palavra, para mostrar como se pronuncia.

MULTIMÍDIA

Precisa de fotos ou trilhas para algum projeto, reportagem ou apresentação, por exemplo, mas não quer ter problemas com direitos autorais? O site Fotos Públicas oferece diversas fotos gratuitas, do mundo todo. E o FreePlayMusic traz mais de 15 mil músicas que podem ser colocadas no seu arquivo de Youtube ou vídeo e não te darão problema com gravadoras. O legal é que você pode escolher pelo gênero musical e até pelo clima que você precisa (por exemplo, uma música que seja “alegre” ou que seja “tensa”).

fp

PHOTOSHOP

Sabia que existe um Photoshop Online Grátis? É só o que eu falo: bom demais 😀

photo

BUSCA DE ESPECIALISTAS

Várias universidades já fizeram sistemas de buscas de especialistas. Um dos meus favoritos é o da PUC Minas: você pode escolher um especialista por nome do professor, por curso ou faculdade e até por assunto. Por exemplo, precisando de algum professor para falar sobre recursos hídricos, nesses tempos de seca (uma fonte para reportagem ou um palestrante para sua empresa, por exemplo), você faz essa busca e aparece o nome de um professor, seu currículo, seu telefone e email:

puc

 

GRAVADOR DE ÁUDIO

Várias pessoas precisam de um gravador em suas profissões. Além dos repórteres, também os advogados, pesquisadores, cientistas e outros profissionais precisam de gravar constantemente. Eu custei a encontrar um aplicativo bom para gravar, que permitisse gravar inclusive ligações. Finalmente encontrei um para Android. Anotem aí: Easy Voice Recorder. É gratuito e muito fácil de usar. Tanto a sua voz quanto a do interlocutor ficam com o áudio muito claro, sem interferências.

BACKUP DE SITES

Você tem um site ou um blog, onde armazena diversas informações profissionais importantes. Não quer correr o risco de perder tudo. Que tal fazer um backup e, ao mesmo tempo, guardar tudo aquilo em um arquivo PDF único, como se fosse um livro? Vale também para seus tweets. O site BlogBooker faz isso de um jeito muito simples. Já fiz um post a respeito, veja AQUI o passo a passo.

pdf

 

JUNTAR E SEPARAR PDFs

Você tem um documento gigante de PDF e precisa quebrá-lo em vários documentos menores? Ou o contrário: te passaram 100 páginas de PDF e você precisa reuni-los num só documento? Um bom programinha para fazer isso é o Gios PDF, que você pode baixar AQUI, por exemplo.

PORTFÓLIO ONLINE

Se você já tem um material farto de seu trabalho e quer montar um portfólio online, para ser compartilhado junto com seu currículo, em seu site ou encaminhado por email, o melhor jeito de reunir tudo é pelo Issuu. Já fiz um post sobre isso. CLIQUE AQUI para ler.

ARMAZENAMENTO DE DADOS

Existem vários serviços para guardar arquivos na internet (na nuvem). Mas o Dropbox é reconhecidamente o melhor e é gratuito. É um jeito simples de compartilhar arquivos pesados, como áudios, vídeos, fotos e livros inteiros. Tanto para outras pessoas como para que você mesmo possa acessar tudo de qualquer computador conectado à internet. É ele que uso, por exemplo, para compartilhar as barbearias de blues do blog 😉

drop


 

Bom, é isso! Espero que as dicas sejam úteis em seu dia a dia. Se precisar de algo mais específico que ainda não está listado aqui, me fale o que é e posso correr atrás 😉

Anúncios

Por que precisamos da segunda-feira

segunda-feira

Quem trabalha no Sine conta que o dia em que as filas de desempregados mais lotam é na segunda-feira. Na terça, o número já cai um pouco. Na quarta, cai bem mais. Quinta esvazia e sexta não aparece quase ninguém.

Por quê será?

Uma explicação é que os desempregados começam a semana animadíssimos, esperançosos, confiantes e, ao mesmo tempo, disciplinados, querendo fazer algo de útil da vida, corrigir os descaminhos e começar de novo. Vão para o Sine à cata de um bom emprego. À medida que a semana passa, e a sonhada vaga não aparece, os ânimos vão arrefecendo, o espírito vai murchando, até que, na sexta-feira, é melhor ficar em casa dormindo até mais tarde e tomar uma cerveja depois do almoço.

E atire a primeira pedra quem funcionar diferente. Segunda (ou desde domingo à noite) a gente diz que vai começar aquele regime especial, que vai nadar todas as manhãs, que vai correr todos os dias, terminar aquele frila, acordar mais cedo pra aproveitar o dia. Segunda de manhã ainda conseguimos pôr o despertador antes da hora, fazer a feira da semana (é um dos dias mais cheios dos supermercados também), lavar o carro, cozinhar um feijão novinho e cumprir as tarefas com mais afinco. Aí vão passando os dias e logo vamos saindo da linha de novo, até o esbaldamento do churrasco do sabadão.

Fico imaginando como seriam nossos dias sem essas sagradas divisões do calendário, que nos incutem esperança e força-de-vontade para tentar uma renovação na rotina. Quem inventou o calendário moderno, com direito a promessas esperançosas no Réveillon e em todas as segundas-feiras, deveria ter um espaço diário nas orações dos religiosos. Nosso cérebro daria tilt sem esses ciclos de arejamento. Se já dá calafrios imaginar uma vida eterna após esta terrena, imagina como seria se esta também não fosse agraciada com a lógica finita e cíclica do tempo.

Aqui começamos mais uma semana, com mais esta maravilhosa segunda-feira, e lá vou eu comer minha saladinha e correr, pra aguentar o corpo pra sexta (passando por quarta!)! Bom início de semana a todos e que os desempregados consigam a vaga dos sonhos (desta vez vai, boto fé!).

Mensagem de 0h01 de 2012

Terminei o ano de 2010 almejando um 2011 histórico. Até porque, perdoem o esnobismo, quase só tenho boas lembranças de todos os anos da minha vida.

No entanto, este foi um dos anos mais longos do universo, custoso mesmo. Tive que superar uma fossa monstruosa, daquelas que você espera nunca repetir na vida (tipo quando toma um porre, fica de ressaca e diz que nunca mais põe uma gota de álcool na boca, sabem?), me livrar de duas amizades que estavam me fazendo mal, me empenhar para ajudar amigos que estavam em depressão profunda (e me envolvo muito nesses empenhos…), perdi uma pessoa muito querida, tive dor-de-cabeça (e de bolso) com mudança de apartamento, sem contar que foi oficialmente meu primeiro ano em Cotidiano, e, em jornal, temos que matar um leão por dia e provar a cada minuto que somos capazes etc.

Enfim, foi um ano muito desgastante e não é coincidência que eu tenha adoecido tantas vezes, como acabei relatando aqui no blog. Mas felizmente acabou de chegar ao fim de maneira — como sempre — otimista e bem-humorada (nunca perca o bom humor!). Estou mais leve por ter conseguido superar os obstáculos um a um, ganhei novos amigos muito queridos ao longo do ano (mantendo 98% dos antigos), fiquei orgulhosa por também ter mantido este blog (e por algumas reportagens que fiz) e serei recompensada, logo de cara, com férias merecidississíssimas, após quatro anos sem saber o que é isso.

Ou seja, meu 2012 vai começar com o pé direito, o esquerdo e todo o resto do corpo: aí vou eu! Tchau, 2011! 😀

É com esse espírito que escrevo este post [na verdade, deixei escrito e programado pra entrar agora, enquanto estou brindando com alguns amigos e ouvindo os fogos da janela ;)], desejando a cada um de vocês que também saltem para o novo calendário de corpo e alma, desejosos de muitas aventuras, mudanças (bem-vindas sejam!), celebrações e alegrias. Evitando as agruras de passar batido por 365 dias da vida sem ter feito nenhuma diferença, nem mesmo do ponto de vista do crescimento pessoal (como bem nos lembra a Mafalda).

Desejo a vocês um 2012 que faça a diferença, que possa ser lembrado com doçura por muitos e muitos anos 🙂

E, por falar em doçura, deixo esta com vocês nesta Virada: