Post especial para quem se acha com o rei na barriga

Achei por aí, no This Isn’t Happiness (http://thisisnthappiness.com/post/3277410569)

Tradução livre: “Olhe de novo para aquele ponto. É ali. Ali é nosso lar. Ali somos nós. Ali, todos aqueles que você ama, todos que conhece, todos aqueles de quem já ouviu falar, todo ser humano que já existiu viveram suas vidas. O conjunto de nossas alegrias e dores, milhares de religiões, ideologias e doutrinas econômicas confiáveis,  todos os caçadores e saqueadores, todos os heróis e covardes, todos os criadores e destruidores da civilização, todos os reis e aldeães, todos os jovens casais apaixonados, toda mãe e todo pai, criança cheia de esperança, inventor e explorador, todo professor de moral, todo político corrupto, toda “celebridade”, todo “líder supremo”, todo santo e pecador da história de nossas espécies viveu ali — naquele grão de poeira suspenso num raio de Sol”.

Ouçam o discurso inteiro, na voz do próprio Carl Sagan, AQUI (dica do Fabiano!).

Aproveito para indicar a leitura do grande “O Mundo Assombrado pelos Demônios“, de Sagan, um dos livros que mais abriram minha cabeça quando o li, aos 18.

Anúncios

12 comentários sobre “Post especial para quem se acha com o rei na barriga

  1. Gostei do post Cris.
    Mundo assombrado por demônios devia ser leitura obrigatória!

    Pale blue dot é um dos discursos mais inspirados do Sagan.
    Se você nunca viu, sugiro gastar uns minutinhos ouvindo a fala na voz do próprio:

    Curtir

  2. Da próxima vez que eu escutar alguém dizendo “Você sabe com quem está falando?”, responderei: “Sei: com uma poeirinha microscópica quase insignificante perdida na imensidão do cosmos”.

    (Evidente que o “rei do mundo” não vai entender muita coisa, mas acho que é uma boa resposta :D)

    Obrigado pela indicação, Cris! Bj!

    Curtir

  3. O mundo assombrado pelos demônios foi um livro que li durante todo um período.
    Estudei a língua inglesa com ele, de maneira que o primeiro livro em inglês que fui capaz de ler foi o Dragons of Eden.
    E há um outro dele, publicado no Brasil mas um tanto menos conhecido, chamado Variedades da experiência científica, que os religiosos em geral fariam muito bem em ler. É sobre Deus.
    O que mais eu posso dizer? Carl Sagan é meu primo. Morreu um dia desses, mas ainda há coisas suas aqui em casa, que largou por aqui.

    Curtir

Deixe aqui seu comentário! ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s