Bastidores de uma cobertura da Copa

redacaootempo

Ficou muito legal o vídeo feito pelo meu colega ultramultimídia Ricardo Corrêa, do jornal “O Tempo“, sobre a cobertura da Copa do Mundo. Enquanto a maioria das pessoas consegue um jeito de ter uma folguinha para assistir aos jogos do Brasil (às vezes até com direito a uma cervejinha gelada), repórteres, redatores e editores estão trabalhando mais do que o normal nos estádios ou dentro das Redações.

O vídeo me lembrou até aqueles que eu fazia nos tempos de Novo em Folha. Ricardo entrevistou alguns colegas, que explicaram um pouco como funciona o trabalho de manter os leitores atualizados praticamente em tempo real no portal e depois ainda mais bem informados na edição impressa, do dia seguinte.

Como muitos leitores falaram lá no questionário que gostam quando abordo assuntos ligados ao dia a dia de jornalista, pensei em trazer o vídeo pra cá. São 4 minutinhos bastante didáticos, vejam aí:

(Eu não falo nada no vídeo, mas apareço de relance. Quem já me conhece vai conseguir me descobrir no meio daquela multidão. Dica: estou trabalhando freneticamente, sem qualquer tempo para ficar vendo a partida 😉 )

Anúncios