Ir para conteúdo

Sinal dos tempos

Foto da amiga Flavia Mantovani, que percebeu que a crise se tornou estratégia de marketing em Madri.

Um primo nos Estados Unidos ouve de um norte-americano:

–Brazilian? Ow, you get lots of money!

***

Minha colega em Nova York é assediada por lojistas de grifes caras assim que percebem que ela está falando português.

***

Uma amiga espanhola veio de Madri para buscar melhores oportunidades de trabalho e qualidade de vida aqui, onde pretende morar. E o Brasil não concedeu o visto.

***

Ir para Miami agora é coisa de “pobre”. Os ricos brasileiros vão passar suas férias nas ilhas Seychelles, na Polinésia Francesa ou na África do Sul.

***

Os hostels estavam vazios durante a Parada Gay de São Paulo. Os estrangeiros não estão com dinheiro para viajar.

***

Todos os países do mundo estão em crise e o Brasil, por enquanto, ainda respira e ainda tem boas taxas de emprego.

Cristina Moreno de Castro Ver tudo

Mineira de Beagá, jornalista, blogueira, poeta, blueseira, atleticana, otimista, aprendendo a ser mãe. Redes: www.facebook.com/blogdakikacastro, twitter.com/kikacastro www.goodreads.com/kikacastro. Mais blog: http://www.otempo.com.br/blogs/19.180341 e http://www.brasilpost.com.br/cristina-moreno-de-castro

4 comentários em “Sinal dos tempos Deixe um comentário

  1. Sim, conconrdo que as coisas estão mudando.
    Mas esses dias vi um dado que me deixou ressabiada: a Itália, em crise, está com desemprego de 10%, índice considerado alto e desesperador lá. As sete principais regiões metropolitanas brasileiras acabaram de atingir exatamente essa mesma taxa, em uma queda contínua dos níveis de desemprego.
    Eu sei que cair de A para B é muito pior do que subir de C para B. Mas acho que esses gringos estão comprando uma propaganda enganosa do Brasil. Sair de lá pra vir aqui atrás de qualidade de vida pode ser um conto do vigário.

    Curtir

  2. Sim, mesmo coisas que criticam aqui ganham outro “sentido” se praticadas por gente de fora, vide exemplos cotidianos: arte de rua no Brasil é “coisa de vagabundo, sujeira e desocupação”, nos gringos é “a arte que pulsa nas ruas, as pessoas respiram cultura”; metrô aqui é “chamariz de vagabundo”, mas é Europa é linda porque “tem metrô pra todo lado”! O mundo, mesmo globalizado, ainda é medido com dois pesos, duas medidas…

    Outro sinal dos tempos: comunidades indígenas tocando na flauta suas canções típicas… como “The sound of silence”, de Simon & Garfunkel!! rs

    Curtir

Deixe aqui seu comentário! ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: